Mastopexia.png

PROCEDIMENTO CIRÚRGICO

SUSPENSÃO DAS MAMAS

Em alguns casos, a principal queixa em relação às mamas é a flacidez e ptose (queda). Nestes casos, indica-se a mastopexia, que é o procedimento que reposiciona (eleva) as mamas caídas e que corrige o excesso de pele (flacidez de pele) das mamas.

 

INDICAÇÕES PARA MASTOPEXIA

Está indicada para pacientes em qualquer faixa etária e também em mulheres após perda de peso considerável.

 

OBJETIVOS DA MASTOPEXIA

O objetivo da cirurgia é posicionar toda a mama em sua posição normal, isto é, elevar, subir a mama que se apresenta caída. Com isso, melhora-se a posição, bem como o formato da mama, uma vez que se corrige também o excesso de pele. Dependendo das alterações de cada paciente, indica-se a utilização de próteses de silicone associada à mastopexia com o objetivo de se ter um melhor resultado quanto ao formato da mama bem como prolongar o resultado final da cirurgia.

 

ANESTESIA PARA MASTOPEXIA

A cirurgia é realizada com anestesia local e sedação na maioria dos casos.

 

 

CICATRIZES DA MASTOPEXIA

As cicatrizes resultantes são proporcionais ao grau de alteração (caimento) das mamas de cada paciente. Em muitos casos somente uma cicatriz redonda (circular) ao redor da aréola (bico do seio) é suficiente para elevar as mamas. Em outros casos, associa-se a cicatriz circular com uma cicatriz vertical (linha de cicatriz reta da aréola até o sulco da mama) ou em T invertido.

CUIDADOS PÓS-OPERATÓRIOS DA MASTOPEXIA

Todas as pacientes são orientadas a utilizarem um sutiã modelador no pós-operatório por um período de 03 a 04 semanas. Edemas (inchaços) e equimoses (manchas roxas) são comuns, com resolução espontânea em algumas semanas. A melhora estética já poderá ser observada em algumas semanas de pós-operatório. Após 15 dias é possível retornar gradualmente às atividades.