• Dra. Fernanda Sampaio

Autocuidado é o primeiro passo

O autocuidado é uma parte importante das nossas vidas e tem conquistado, ao poucos, um espaço na consciência das pessoas. Diferente do que se pode pensar inicialmente, o autocuidado vai muito além de cuidar apenas do seu físico, mas busca promover uma conexão de você com você mesma e buscar o bem-estar em todas as áreas da sua vida, incluindo o mental e emocional.


Isso significa que o autocuidado não é só uma alimentação balanceada, exercícios físicos regulares, ir ao salão de beleza e passar muitos cremes hidratantes: é também se autoconhecer e ser gentil consigo mesma. Um dos pontos de grande impacto na saúde geral é nossa saúde emocional.


Tem se falado muito sobre inteligência emocional, que significa nada mais do que você aprender a reconhecer suas emoções e lidar com elas. Por exemplo, você passar a identificar situações de estresse, os gatilhos e qual a sua “resposta natural”, auxilia para que você possa mudar a forma como esse sentimento te impacta.


Vamos supor que você identifique que determinada situação é sempre um gatilho de estresse e, como resposta, você resolve comer chocolate - mas não está comendo o chocolate por prazer, está comendo chocolate em maior quantidade para “suprir” a necessidade de lidar com aquela angústia.


Esse tipo de resposta não só não ajuda a lidar com o problema como também, na maioria das vezes, passado o gatilho, você se sente super frustrada consigo mesma. Esse acúmulo de frustrações e sentimentos não faz bem nem para o psicológico nem para o físico. Por isso, aprender a identificar os sinais do seu corpo é essencial e tem tudo a ver com autocuidado.


Saber essa diferença e ampliar seus horizontes em relação ao autocuidado é o principal passo para que você consiga criar uma rotina que funciona para você: afinal, é esse o foco do autocuidado, ele é individual, exclusivo, feito sob medida por você para você.


Então separei algumas dicas para você refletir e montar a sua própria rotina de autocuidados que funcione. Veja abaixo, o tempo de leitura é de 3 minutos:


ALIMENTAÇÃO BALANCEADA:

A alimentação é a principal fonte de energia do nosso corpo e por isso deve ser encarada com carinho e atenção;


HIDRATAÇÃO:

É através da hidratação que seu corpo elimina toxinas, regula os órgãos internos, hidrata e dá elasticidade para a pele.


EXERCÍCIOS FÍSICOS:

Analise sua rotina e veja que tipos de exercícios é possível incorporar ou quais mudanças você gostaria de fazer na sua rotina para poder fazer o seu exercício favorito.


MEDITE:

A meditação ajuda a limpar a mente, é associada à respiração e isso faz com que nosso corpo retome as atividades com calma, dando um “tempo” para a mente se reorganizar também.


BELEZA:

Use cremes e óleos hidratantes, tire um tempo para se maquiar, vestir uma roupa bonita, ajeitar o cabelo, enfim, aquilo que te fizer sentir bem contigo mesma.


SAIBA QUANDO DIZER NÃO:

Uma das maiores dificuldades talvez seja dizer não para aquelas coisas que nos fazem mal. É por falta de dizer não muitas vezes que ficamos sobrecarregadas. Por isso, aprenda a dizer não quando você realmente precisar e fique descansada. Dizer não nesses momentos não fará de você uma pessoa ruim.


Como o autocuidado está muito relacionado com a autoestima, é importante que você tenha consciência de si mesma também.


Tire um tempo para si, aproveite sua própria companhia. Se tem algo que não te agrada em você mesma, pare por uns momentos e reflita: por que esse detalhe não me agrada? O que eu poderia fazer de diferente? Se eu mudasse esse detalhe, será que teria mais motivação para cuidar de mim mesma?


Todas essas coisas somadas ajudam muito a melhorar a qualidade de vida. E se você realmente quiser mudar alguma coisa para se sentir mais confiante e melhor, conte comigo.


10 visualizações0 comentário